Menu
Cinema / Tempos Livres

Os melhores filmes de 2019 (até agora!)

Joker - Melhores Filmes 2019

Nada melhor que falar sobre cinema no primeiro artigo do blog. Muito provavelmente ainda não sabem, mas a verdade é que sou um tremendo amante da sétima arte e, todos os anos, faço uma pequena lista mental dos melhores filmes que assisti nesse período. Este ano não foge à regra, mas é a primeira vez que vou passar esse exercício mental para o “papel”. Sem mais demoras, vamos lá ao que interessa.

Era Uma Vez em… Hollywood

Era Uma Vez em... Hollywood

Sempre que Quentin Tarantino lança um novo filme, os fãs deliram e os haters ficam à espera que seja desta vez que o realizador tenha um fracasso. A verdade é que os haters podem esperar sentados pelo próximo filme de Tarantino (será que este foi o último como o próprio disse? Duvido muito…), já que este manteve o nível que Tarantino nos tem habituado ao longo de toda a sua carreira. Apesar de não ser um filme tão marcante como Cães Danados, Pulp Fiction ou ainda Kill Bill – A Vingança (vol. 1), a verdade é que Tarantino voltou a não desiludir. E para que tal tenha acontecido, Tarantino contou com as fantásticas interpretações de Brad Pitt e Leonardo DiCpario e, como pano de fundo, uma marcante história de Hollywood da década de 60… Ah, e de um lança-chamas! 😀

Joker

Joker - Melhores Filmes 2019

Joker não podia faltar nesta lista. O filme de Todd Phillips não foi apenas um enorme hype, foi uma constatação. Todd Phillips, que ao longo da sua carreira nos presenteou com fantásticas e marcantes comédias (Dias da Loucura, A Ressaca, Road Trip – Sem Regras, etc.) surpreendeu tudo e todos atrás das câmeras com uma realização magistral num género cinematográfico completamente diferente do que estava habituado. De referir também as várias homenagens que Phillips introduziu na sua obra, desde referências aos filmes Taxi Driver e O Rei da Comédia como a utilização da música Smile e o pequeno excerto do filme Tempos Modernos, estas últimas criadas pelo génio Charlie Chaplin. Quanto a Joaquin Phoenix, sendo eu um enorme apaixonado por toda a sua filmografia, não posso dizer que, embora tenha uma interpretação notável, me tenha surpreendido com a sua atuação. Phoenix apenas confirmou que é um dos melhores atores da sua geração. Estou muito curioso por saber se receberá a sua quarta nomeação para o Óscar e, caso se confirme, se é desta que leva para casa a tão desejada estatueta dourada.

Creed II

Creed II

Apesar de não ser um filme fenomenal, a verdade é que Creed II superou largamente as minhas expectativas. Antes de o ir ver ao cinema, fiz uma “pequena” maratona onde assisti a todos os filmes do universo Rocky (já os tinha visto no passado, mas ainda assim quis avivar a memória). Feito isso, fui ao cinema sem grandes expectativas e a verdade é que saí da sala de cinema bastante surpreendido (até a minha namorada gostou!) com o desfecho da série de filmes que teve início em 1976. As atuações consistentes de Sylvester Stallone e de Michael B. Jordan, aliadas ao sentimento de revolta constantemente presente no filme e à tremenda banda sonora, foram ingredientes mais do que suficientes para não fazer de Creed II apenas mais um filme da saga Rocky. Contudo, a meu ver, ficou ainda aquém do primeiro Creed: O Legado de Rocky, lançado em 2015.

Parasitas

Parasitas

O filme Parasitas entrou direitinho para a minha “lista de filmes a ver” assim que venceu a prestigiada Palma de Ouro no Festival de Cannes deste ano. O realizador Bong Joon Ho, responsável por alguns dos melhores filmes dos últimos anos (The Host – A Criatura, Mother – Uma Força Única, Expresso do Amanhã, Okja, etc.), voltou a confirmar que é um dos grandes nomes da realização atual. A verdade é que Parasitas foi, muito provavelmente, o melhor filme que assisti em 2019 e é, a meu ver, um dos mais fortes candidatos a vencer o Óscar de Melhor Filme Estrangeiro na próxima edição dos Óscares da Academia. Se ainda não viram, façam o favor de ver, a sério! 😉

Free Solo

Free Solo

Apesar de Free Solo já ser de 2018 e ter, inclusive, vencido o Óscar de Melhor Documentário do ano passado, estreou em Portugal apenas em 2019. O documentário mostra-nos a tentativa de Alex Honnold se tornar a primeira pessoa a escalar, sem qualquer tipo de equipamento de segurança, a montanha El Capitan, uma formação rochosa com cerca de 910 metros de altura, que fica localizada na zona norte do Vale de Yosemite, no Parque Nacional de Yosemite, na Califórnia, nos EUA. Este documentário não é, definitivamente, um bom filme para quem sofre de vertigens. Tirando esse pequeno à parte, o documentário é visualmente deslumbrante, muito bem realizado e… absolutamente assustador!

E para vocês, quais foram os melhores filmes de 2019 que tiveram oportunidade de assistir? Deixem um comentário com a vossa opinião, terei todo o gosto em dar uma vista de olhos pelas vossas sugestões cinematográficas. 🙂

P.S. O ano ainda não terminou e são ainda alguns os filmes que tenho em “lista de espera”, ou seja, muito provavelmente terei de criar uma segunda lista com aqueles que eu considero ser os melhores filmes do ano.
Sobre o Autor

Empreendedor digital, investidor, palestrante, cinéfilo, webmaster e blogger, dono de algumas dezenas de sites dos mais variados nichos, a trabalhar na Internet desde 2008.

5 Comentários

  • Pedro Freitas
    28 de Novembro, 2019 às 23:50

    Não sejam tímidos, deixem aqui as vossas escolhas para os melhores filmes de 2019! 😀

    Responder
  • Pedro
    2 de Dezembro, 2019 às 12:14

    Se ainda não tiveste oportunidade de ver o The Irishman, vê 😉

    Responder
    • Pedro Freitas
      2 de Dezembro, 2019 às 12:16

      O Irlandês está, sem dúvida alguma, na minha “lista de espera” e estou com as expectativas bastante altas! 😀

      Responder
  • Micaela
    4 de Dezembro, 2019 às 16:17

    Free Solo foi, de facto, uma agradável surpresa. Obrigada pelo conselho 😉

    Responder
    • Pedro Freitas
      4 de Dezembro, 2019 às 16:18

      De nada, ainda bem que gostou do documentário 😀

      Responder

Deixa um comentário